Como Desenvolver

 

Obrigatoriedades

1. Plano de Criação de Propriedades Digitais

Instituído pelo Art. 2º do Decreto 5.404, de 29 de março de 2016, Plano de Criação de Propriedades Digitais deve ser elaborado pelo órgão responsável pelo site ou ferramenta, inclusive para os já publicados, e submetido para aprovação da Secretaria da Comunicação Social.

2. Padronização Visual

Após a aprovação do Plano de Criação de Propriedades Digitais, uma proposta visual também deve ser submetida para aprovação da Secretaria da Comunicação Social, antes de iniciar o desenvolvimento do site ou ferramenta.

3. Central Administrativa

Ferramenta de gestão de conteúdo obrigatória para sítios institucionais que possibilita a integração dos sites do Poder Executivo auxiliando na instrumentalização de uma comunicação pública.

Seu conteúdo pode ser consumido via webservice, permitindo que a hospedagem do site institucional possa ser de responsabilidade do próprio órgão. Contudo, caso seja formalmente solicitada à Secretaria da Comunicação Social pode ser responsável pelo desenvolvimento, hospedagem e/ou manutenção do site institucional de órgão do Poder Executivo Estadual.

Veja exemplos de como consumir o webservice da Central3.

4. Barra Padrão

De utilização obrigatória para todos os sites, é um código JS que exibe cabeçalho e rodapé padrão do Governo do Estado. O código pode ser obtido em barra.to.gov.br

5. Fonte Padrão

A fonte HTML utilizada nos sites deve ser a: 'Source Sans Pro'.

Utilização no HTML
 < link rel="stylesheet" href="//fonts.googleapis.com/css?family=Source+Sans+Pro" >  
Utilização no CSS
 * { font-family: 'Source Sans Pro'; } 
Variações

São permitidas variações da mesma fonte, disponíveis em: google.com/fonts#UsePlace:use/Collection:Source+Sans+Pro

6. Bootstrap

Desenvolvida pela equipe do Twitter, é uma biblioteca de códigos HTML, CSS e JS, utilizada globalmente, que facilita o desenvolvimento de aplicações responsivas e tem vasta documentação em getbootstrap.com.